O Homem de Ferro da vida real

Mais modesto que as indústrias Stark e que a Roxxon Corp, um negociante britânico, do mercado petrolífero, criou sua própria armadura do Homem de Ferro, idealizando um exoesqueleto munido de um jato capaz de fazê-lo voar.

Créditos: Gravity e Marvel

Richard Browning criou a armadura combinando três tipos de pequenos jatos, colocando-os em seus braços e em suas costas. Ele é capaz de controlar a velocidade e direção, guiando a direção dos dispositivos apenas com seu corpo. Não há outro mecanismo.

A geringonça carece de algumas características do famoso Tony Stark, interpretado por Robert Downey Jr., nos filmes dos estúdios Marvel.  Não há raios laser, tampouco força sobre-humana. Além disso, Browing é capaz de se sustentar apenas por 10 minutos.

Em experimentos iniciais, Browing conseguiu elevar-se do chão, de 1 a 2 metros, atingindo uma velocidade de 8km/h. Ele acredita que, no futuro, estas engenhocas atingirão 100 km/h e até 100 metros de altura. No entanto, de acordo com os dados do próprio Browing, a armadura do Homem de Ferro não será tão barata; neste protótipo, ele desembolsou 250 mil dólares. Bem, isso é apenas uma bagatela para um gênio, bilionário, playboy e filantropo, não?

LiveScience

Loading...